Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Para reafirmar o caráter medicinal da maconha, a Rede Nacional de Coletivos e Ativistas pela Legalização da Maconha, criada durante o encontro Rio+4:20 – espaço que reuniu coletivos e ativistas antiproibicionistas na Cúpula dos Povos em 2012, resolveu propôr um ato pela legalização da maconha medicinal no mesmo dia do Dia Nacional de Combate ao Câncer – 27 de novembro.

Esse ano os Coletivos e ativistas antiproibicionistas do Rio de Janeiro irão organizar uma manifestação de rua pela legalização da maconha medicinal que sairá do Largo de São Francisco às 16:20h e seguirá em direção à Cinelândia. Antes, porém, será realizada uma palestra com três nomes de peso no próprio espaço público da praça:

Marcelo Yuka – Ex-baterista da banda O Rappa, o músico é usuário terapêutico de maconha medicinal e um dos principais artistas na luta antiproibicionista do Rio de Janeiro nos últimos anos.

Elisaldo Carlini – Professor da UNIFESP – Universidade Federal de São Paulo e psicofarmacólogo, é especialista em plantas medicinais e defende a criação de uma agência capaz de regulamentar o uso medicinal da maconha no Brasil.

João Menezes – Professor da UFRJ – Universidade Federal do Rio de Janeiro, neurocientista e organizador da Marcha da Maconha no Rio de Janeiro.

Evento da atividade no Facebook – CLIQUE AQUI!

Via, Cultura Verde

cartaz-dia-27-rio-2013

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Escreva seu comentário

pessoas


Curte nossa nova página no Facebook

DESCONSTRUA

Please enter your comment!
Please enter your name here