Quem já acompanha o Gregório e o SmokeBud, já está careca de saber que o cara é um defensor da causa. Mesmo entre paródias, crônicas e peças, Duvivier não perde a oportunidade e defende mais uma vez a regulação da maconha no país.

Completando 20 anos da primeira montagem, “Hermanoteu na Terra de Godah” é um dos maiores sucessos do grupo teatral Companhia da Comédia e vem rodando o Brasil desde então. A peça é uma sátira da história do Antigo Testamento e mostra a hilária jornada do pacato Hermanoteu e seu povo até a mítica Godah.

Na última terça (21) o canal Multishow transmitiu ao vivo a edição comemorativa de “Hermanoteu na Terra de Godah”, que contou com a participação de diversos convidados especiais como Marcelo Adnet, Flávio Silvino, Fernando Caruso, Antonio Tabet (Quibe) e entre outros, não poderia faltar o mais explanado Gregório Duvivier.

Quem assistia a peça ficou na dúvida se era mais uma tirada engraçada ou se o humorista do Porta dos Fundos aproveitou a oportunidade para defender a maconha e a sua legalização.

No meio da apresentação, nitidamente Gregório sequela e esquece um trecho de sua fala, é quando Hermanoteu ( Ricardo Pipo ) aproveita o momento para gastá-lo com um, “Ahhh porque não faz mal, não deixa sequela…”, Gregório rapidamente argumenta, “é de nascença, não culpem a maconha” e defende, “queria aproveitar para dizer que a maconha é inofensiva e tem que ser legalizada”.

Assista o trecho abaixo e deixe a sua opinião comentando abaixo. Você é contra ou a favor da legalização / regulação da maconha no Brasil?

Vídeo via TNH1