Analgésicos, sedativos e antidepressivos são os que mais causam overdoses

Analgésicos, sedativos e antidepressivos são os medicamentos que mais matam nos Estados Unidos. Cerca de seis milhões de americanos morreram por causa do uso recorrente de remédios entre os anos de 1999 e 2010. Este número ultrapassa os mortos por cocaína e heroína no país.

O levantamento realizado pela pelo Trust for America’s Health aponta que overdose é dada pela falta de fiscalização de médicos e órgãos de saúde. Nos estados mais pobres há um consumo mais compulsivo. Na Virginia, a estatística é de 30 mortes para cada 100 milhões.

Este número comparado com a pesquisa realizada na década passada apresenta um aumento de quatro vezes nos quadros de morte a partir de overdose de remédios.

Embora Nova York, seja a região com menor índice de mortes, em comparação com a pesquisa realizada em 1990, o uso abusivo de remédios aumentou em 50%.

Via, R7