Em sua passagem pelo Brasil, Carl Hart comentou sobre a situação atual do combate às drogas no nosso país. As informações são da TV Folha.

Traficar, usar drogas e cometer delitos fazem parte do passado de Carl Hart. Hoje, professor de neurociência da Universidade Columbia (EUA), o americano defende a descriminalização -não a legalização- das drogas.

“Acho a sociedade ainda ignorante, e acho que devemos ter uma educação melhor sobre drogas antes de legalizá-las”, diz o cientista Carl Hart.

Quando esteve de passagem pelo Brasil, divulgando seu recente livro “Um Preço Muito Alto”, Hart comenta também os movimentos antidrogas brasileiros. Ele fez duras críticas à forma como a polícia brasileira age diante de operações de combate ao uso.

“É preciso muita arrogância ao usar forças militares para policiar pessoas ou até para matar. Não fazemos isso nos EUA. Quando penso na maneira como vocês lidam com o ‘problema’ do crack, a única coisa em que consigo pensar é apartheid. Vocês deveriam pensar em toda a desigualdade social que estão ignorando.”

Foto de capa por Lissandro Garrido