Tricoma da Maconha - Foto DuduTomasi / Cultivo Jonas Rafael
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Até não muitos anos atrás era um tabu falar sobre Maconha Medicinal, o assunto se restringia a pequenos grupos mais bem informados. Das substâncias presente na planta os assuntos em sua maioria eram sobre o tetraidrocanabinol (THC), principalmente por que a ele são associados à maioria dos efeitos psicoativos procurados pelos usuários recreativos. Falava-se sobre aquele que dá onda. O canabidiol (CBD) apesar de conhecido a tanto ou mais tempo que o THC, ganhou espaço em muitas rodas de conversa nas terras tupiniquins a partir de 2013, sendo destaque em programas de horário nobre, estampando capas de revistas e recebendo grande destaque em documentários como o ILEGAL.

Leia também:

Exclusivo: falamos com Katiele Fischer sobre a batalha pelo CBD e o filme Ilegal

A partir desse movimento surgiram diferentes posições mesmo dentro do debate para uso medicinal, alguns defendendo a importação e a produção de óleos com extratos de Cannabis e outros levando o debate para a produção de um medicamento com as substâncias isoladas, prevenindo assim os usuários dos “efeitos do mal” promovidos pelo THC.  Mas afinal, da na mesma usar o extrato integral ou a substância isolada?

Efeito Sinérgico

Em um trabalho divulgado em 2015 pelos pesquisadores da Universidade Hebraica de Jerusalém, demonstrou que para tratamento de dores o uso de CBD isolado, com 99% de pureza, não apresenta os mesmos resultados que o uso do extrato de Cannabis de uma variedade identificada como clone 202, com teor de 17% CBD contra 1% de THC. O que mais chama atenção é que com CBD isolado a dose que apresenta melhores resultados é muito específica, perdendo eficiência para doses menores ou maiores. Ou seja, caso não administre a dose exata, o tratamento pode não apresentar bons resultados. Como pode ser verificado na imagem abaixo, a dose adequada é de 5mg/Kg de CBD isolado, doses menores não apresentam efetividade do tratamento, e com o aumento da dose para 25 e 50 mg/kg o efeito de controle da dor diminuiu. Cada teste foi realizado acompanhando os resultados durante 2, 6 e 24h.

Curiosamente, os efeitos observados para o tratamento com o extrato integral de Cannabis rica em CBD foi bem diferente. Apesar de necessitar uma dose de 25mg/kg para ter a mesma resposta, com o aumento da dose há também o aumento da resposta do organismo, efeito desejável pelos dos médicos que acompanham o tratamento. Esse trabalho analisou as propriedades de analgesia e anti-inflamatória, considerando a administração por via oral ou injeção, e o efeito foi semelhante em ambos os casos.

Além dos Canabinoides

A Cannabis possui mais de 80 compostos, produzidos exclusivamente por plantas desse gênero que são os canabinoides, nos quais incluem o THC e o CBD, mas além desses sabemos que há também outras classes de compostos que podem auxiliar nos tratamentos, como, por exemplo, os terpenos. Apesar de não serem tão bem conhecidos por muitas pessoas, os terpenos certamente estão presentes em nosso dia-a-dia. Muitos terpenos são conhecidos pelo aroma, sendo um dos mais conhecidos é o d-limoneno, que oferece o característico aroma de limão. Já são conhecidas centenas de variedades de Cannabis, cada uma delas possui uma combinação quase única dos terpenos, por isso cada uma delas possui um aroma próprio. O THC ou CBD não possuem cheiro.

Os terpenos podem ser extraídos com o sistema de hidro-destilação, sendo obtido assim o óleo essencial da planta, um concentrado de terpenos. O mais abundante nas espécies de Cannabis é o mirceno, presente em praticamente todas as plantas, em concentrações que podem variar de 10 a 80% de seu óleo essencial, possui aroma amendoado, mas também sendo descrito como apimentado e irritante. O mirceno é conhecido por permitir que o THC atravesse mais rapidamente a barreira hemato encefálica que protege o cérebro, fazendo com que o usuário sinta o efeito mais rápido. A manga possui bastante mirceno, daí vem a idéia de que comer manga antes de usar maconha potencializa o efeito. Alem desse são encontrados principalmente α-pineno, β-pineno, limoneno que possuem ação antibacteriana e repelente, alem de muitos outros mesmo que em baixa concentração.

Toda essa complexidade demonstra a importância de considerar a idéia de Cannabis Medicinal e não a de um canabinoide isolado. Atribuir seja ao CBD ou THC o título de único e exclusivo responsável pelos tratamentos pode ser um equívoco, ou pelo menos pode minimizar um potencial muito maior que essa plantinha porreta ode nos oferecer.

Foto: DuduTomasi Cultivo: Jonas Rafael

Referências: Efeito sino CBDManga e cannabisTerpenos

 

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Escreva seu comentário

DESCONSTRUA

Please enter your comment!
Please enter your name here