Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Uma nova pesquisa de opinião sugere que a maioria dos americanos apoia a legalização da maconha.

A enquete da empresa de consultoria Gallup diz que 58% dos americanos apoia o fim das restrições ao uso da droga – comparado com 12% em 1969, quando a pergunta foi feita pela primeira vez.

No ano passado, dois Estados americanos – Colorado e Washington – votaram por legalizar o uso recreativo da droga mesmo que ele ainda seja proibido pelo governo federal.

Na Califórnia, a maconha medicinal já é legalizada, mas parte da campanha para aumentar a disponibilidade da droga, ampliar seu uso medicinal e finalmente legalizá-la está sendo feita por um setor inesperado da sociedade.

Leia também:  A América do Sul contra a guerra às drogas

As mulheres do Clube da Maconha de Beverly Hills se descrevem como “da alta sociedade”. Elas usam a droga por razões médicas e dizem querer dar “uma nova face” à luta pela legalização.

Sua fundadora, Cheryl Shuman, diz ter sido inspirada pela socialite nova-iorquina Pauline Sabin, que nos anos 30 fez uma campanha contra a proibição de álcool no país.

Já há estudos científicos que comprovam os benefícios medicinais da droga, mas há outros que investigam como o uso pode prejudicar a saúde.

Via BBC Brasil

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Escreva seu comentário

DESCONSTRUA

Please enter your comment!
Please enter your name here