Gorlitzer Park foi palco de um maconhaço contra a regra de tolerância zero. As informações são do UOL

Cerca de 600 entusiastas de maconha renuíram-se no Gorlitzer Park, parque de Berlim, para fumar cigarros de maconha coletivamente em protesto contra uma “regra de tolerância zero” – uma proibição geral de drogas no parque que passou a ser controlada pela polícia, esta semana.

No entanto, nem todos os ativistas fumaram maconha, devido a forte presença policial e reforçada para manter a segurança no parque. Com a ação, os ativistas protestavam também contra a política de refugiados. A Alemanha é criticada por forçar refugiados à ilegalidade, por negar-lhes permissão de trabalho.

Apesar de ser proibida a venda de maconha na Alemanha, a posse de quantidades de até 15 gramas é tolerável. No entanto, a capital Berlim emitiu a medida de “tolerância zero” para o Gorlitzer Park devido ao forte “narcotráfico” e abuso de drogas na área.