Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Maconheiros, fumantes e usuários medicinais podem em breve ter a opção de desfrutar sua dose diária de ganja pelo nariz.

A Cannabis Biotech, uma subsidiária da Pudget Technologies, anunciou recentemente que a empresa desenvolveu um método no qual é possível fazer a absorção da maconha pela mucosa nasal. Usuários de maconha, principalmente os que usam para fins medicinais seriam capazes de administrar uma dose padrão e confiável do medicamento por inalação, ao invés de recorrer ao tradicional baseado, onde rola combustão e a produção de substâncias cancerígenas.

Ken Morrow, chefe de pesquisa da Cannabis Biotech, diz que a administração da maconha através da cavidade nasal é semelhante a administração de outras drogas inalantes populares usadas para tratar febres e alegrias.

“A administração de medicação nasal tem sido usada por milhares de anos e é muito popular hoje em dia”, disse ele. “Esse sistema de administração oferece a possibilidade de ampliar o alcance do remédio, pois é de fácil utilização e ação rápida”.

O Presidente e CEO da Puget Technologies, Ron Leyland, diz que é impressionante o crescimento e avanço da maconha medicinal no país nos últimos anos, mas muito em breve, pacientes irão buscar outras formas de administração da planta que não envolva estigmas relacionados com o ato de fumar.

“A medicina moderna derivada da maconha está saindo das sombras e um grupo mais variado de pacientes devem procurar seus benefícios”, disse ele.

Essa é uma afirmação bastante precisa, considerando que estima-se que existam cerca de 25 milhões de pacientes de maconha medicinal atualmente nos EUA.

Além disso, uma a Gallup acaba de divulgar uma pesquisa que indica que a opinião dos EUA mudou e a maioria da população apoia a legalização da maconha, com 58% de aprovação.

Fonte: High Times

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Escreva seu comentário

pessoas


Curte nossa nova página no Facebook

Não há comentários ainda, seja o primeiro a comentar!