Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Itens traziam como estampas a folha de maconha e horário marcado para usar a droga

Uma decisão tomada pela Escola Estadual Joaquim Afonso Rodrigues, em Carmo da Mata, no centro-oeste do Estado, causou polêmica nas redes sociais. A direção da instituição decidiu proibir o uso de um boné que faaria apologia à maconha. A determinação foi publicada na página da escola no Facebook. O comunicado alerta os pais sobre o significado do símbolo 4:20, que seria o horário combinado entre usuários para fumar a droga.

Segundo a diretora do local, Júnia Paixão Mendes de Castro, um professor notou que vários alunos estavam usando o boné. Alguns deles tinham o número gravado, enquanto outros traziam a imagem de uma folha de maconha. Depois de confirmar o que as imagens queriam dizer através de uma pesquisa feita na internet, a diretora decidiu conversar com os alunos e explicar porque o item seria barrado na escola.

Leia também:  Equipe mostra a experiência dos países mudaram leis sobre as drogas

— Chamamos os alunos e conversamos. Percebemos que muitos estavam usando por moda, não tinham conhecimento do que significava. Mas a gente sabe também que muitos têm envolvimento com a droga. A maioria dos pais também não sabia o que queria dizer.

Inicialmente, a escola enfrentou questionamentos e críticas dos estudantes através das redes sociais, mas, segundo a diretora, a decisão acabou sendo acatada por pais e alunos.

— Depois de uma semana mais ou menos, a gente não viu mais ninguém com estes bonés. Agora, os alunos denunciam o colega que vem com ele.

Via, R7

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Escreva seu comentário

DESCONSTRUA

Please enter your comment!
Please enter your name here