Depois de “Quero Matar Meu Chefe” (2011), Jennifer Aniston e Jason Sudeikis voltam a dividir a cena em Família do Bagulho, uma comédia chapadeira.

Família do Bagulho (We’re the Millers, na tradução ao pé da letra “Nós somos os Millers”), é o novo filme da Warner Bros que estreia no Brasil, nesta sexta dia 27, regado de muito um humor “baseado” no constrangimento dos personagens.

O alvo é em David Clark, interpretado por Jason Sudeikis, um traficante informal de maconha, cuja clientela inclui chefes e donas de casa que se envolve em uma briga para ajudar seu vizinho, o adolescente Kenny (Will Poulter), e tem seu estoque da droga e dinheiro roubados. Para pagar o que deve, a seu fornecedor Brad (Ed Helms),ele aceita trazer um carregamento do México para os EUA. Mas, para isso, há o risco de ser pego na fronteira. Sem opção, David aceita e, para isso, finge ter uma família formada por, Kenny- um jovem ingênuo e de bom coração, Case (Emma Roberts) – uma garota rebelde que fugiu de casa e sua vizinha Rose (Jennifer Anniston) – uma stripper falida, originando a família Millers.

A família formada é o estereótipo da ‘família careta’ de classe média dos EUA – alienada e entorpecida em sua vida comoda. A ideia é que a família feliz passe às férias no México, a bordo de um trailer, atravessando a fronteira entre o país e os Estados Unidos com o carregamento de Maconha sem levantar suspeitas.

A ideia até que é boa, mas com essa família desajustada envolvida em muitas confusões essa viagem promete ser muito louca. O típico besteirol americano continua em alta, no Mundo o filme já atingiu mais de 220 milhões de ‘doletas’. 

Os Buddies que já chaparam com as confusões dos “Millers” conte-nos o que achou? Vale a Pipoca?!

Confira um pouco dessa, “Família do Bagulho”