Longe dos cinemas desde 2011, o premiado diretor Fernando Meirelles agora está investindo em projeto para a TV, seguindo o “green rush”, o diretor pretende criar uma ficção em São Paulo onde a maconha foi recentemente legalizada. A série deverá ser exibida pela HBO. As informações são do UOL.

“Pico da Neblina”, com direção geral sua e de seu filho Quico, é uma das três novas séries brasileiras que o canal pago anunciou nesta quinta-feira (5) durante a Rio Creative Conference 2018. O “pacotão” de novidades é uma nova investida do canal americano em produções brasileiras, com a chancela de diretores premiados e conhecidos internacionalmente.

Além de Meirelles, Daniel Rezende (montador indicado ao Oscar e diretor de “Bingo – O Rei das Manhãs”) também vai supervisionar uma nova produção, “Hard”, sobre uma viúva que descobre que o marido era produtor de filmes pornô. Já Bruno Barreto (de “O Que é Isso, Companheiro?” e “Flores Raras”) estreia no canal com uma comédia, “O Hóspede Americano”.

A HBO já havia anunciado “Santos Dumont: Mais Leve que o Ar”, minissérie histórica, baseada na vida de Santos Dumont, vivido pelo ator João Pedro Zappa (“Boa Sorte”, “Gabriel e a Montanha”). A direção é de Fernando Acquarone e Estevão Ciavatta.

A emissora não revelou a previsão de estreia das séries. Saiba mais sobre as novas produções:

PICO DA NEBLINA
Com direção geral de Fernando Meirelles e Quico Meirelles, a série se passa em uma São Paulo ficcional, onde a maconha foi recentemente legalizada. Nesse cenário, o jovem traficante paulistano Biriba decide deixar para trás a vida do crime e usar seus conhecimentos para vender o produto dentro da lei. Para isso, ele terá que lidar com o peso e as pressões do seu passado, as armadilhas do mundo dos negócios e com seus sócios pouco experientes. Composta por dez episódios, a série foi criada pelos roteiristas Chico Mattoso, Cauê Laratta, Mariana Trench Bastos e Marcelo Starobinas.

O HÓSPEDE AMERICANO
Baseada em fatos reais, a série em quatro episódios retrata a viagem de Theodore Roosevelt, um dos presidentes mais populares dos Estados Unidos, ao rio da Dúvida, em Rondônia, no ano de 1913, logo após ele ter perdido as eleições de um segundo mandato para Woodrow Wilson. Seu guia na viagem, o Coronel Cândido Rondon, já era um ícone brasileiro, um pacifista militar, que estava mapeando o Oeste do Brasil. Com direção de Bruno Barreto.

HARD
Nesta série adaptada de um sucesso francês, a protagonista é uma advogada aposentada que acaba de ficar viúva. Após a morte do marido, ela descobre que ele mentiu a vida toda sobre a profissão e que sua herança vem na forma de uma produtora de filmes pornô quase falida. Agora ela deve se adaptar à sua nova vida. Com seis episódios, a série terá supervisão artística de Daniel Rezende.

SANTOS DUMONT: MAIS LEVE QUE O AR
É a primeira coprodução de uma minissérie histórica, baseada na vida e na época do pioneiro da aviação brasileira, Alberto Santos Dumont, que personificou o glamour da virada do século 20 e a façanha de ter sido o primeiro ser humano a voar em um avião. A direção é de Fernando Acquarone e Estevão Ciavatta, que também dirigiu PREAMAR, série exclusiva da HBO. O ator João Pedro Zappa interpretará Santos Dumont em sua fase adulta. A coprodução HBO Latin America e Pindorama será composta por seis episódios.

DESCONSTRUA

Please enter your comment!
Please enter your name here