O atacante Hamza Abourazzouk, da seleção marroquina, foi suspenso por seis meses após ser flagrado no exame antidoping, que apontou resíduos de maconha em seu organismo. O Comitê Disciplinar da Fifa aplicou a pena nesta quinta-feira ao atacante de 27 anos, que, assim, fica afastado dos gramados até 27 de fevereiro.

Abourazzouk foi submetido ao teste após partida realizada em Marrakech, em 8 de junho, quando o Marrocos venceu a Tanzânia por 2 a 1, pelas Eliminatórias Africanas da Copa do Mundo de 2014.

Como os marroquinos já estão fora da disputa pela vaga no Mundial do Brasil, ele não será problema para a seleção nos próximos meses. Mas, com a suspensão, Abourazzouk desfalcará seu time, o Raja Casablanca, na disputa do Mundial de Clubes, em dezembro, no Marrocos.

Via, Estadão