Categorias
Cinema e Televisão Mundo Canábico

Fantástico: Maconha e CBD viram febre nos Estados Unidos e gera polêmica

Após decisão do Congresso americano no fim de 2018, várias lojas que vendem a substância surgiram. Dá para encontrar CBD em comidas e bebidas. Mas nem sempre realmente existe a substância indicada, é o que diz a matéria do Fantástico deste domingo 15/04/2019.

A onda verde está dominando os Estados Unidos. Por todo país, é possível encontrar estufas com milhares de pés de cannabis e até mesmo empreendedores brasileiros que estão extraindo o CBD e criando produtos industriais. No entanto a matéria que tenta a todo momento separar Maconha do CBD na reportagem aborda algo surpreendente, explica que com o avanço do mercado, agora também há produtos que estão sendo lançados por empresas mal intencionadas e sendo vendidas como se o CBD fosse parte dos ingredientes, ou seja seria um comestível medicinal de canabidiol. É o caso de um “cookie” e um “carro de comestíveis de maconha” que está na rua e até mesmo de outros tantos produtos que você irá ver.

Além do enfoque para as três letrinhas (CBD) estarem estampadas em diferentes produtos – doces, bebidas, cremes, óleos. Os repórteres Tiago Eltz e Lucas Louis também mostraram a polêmica por trás do uso da substância, que também tem sido vendida como a cura pra muitas doenças e transtornos, mas o fato é que ainda existem poucas pesquisas e os governos não ajudam tanto com o tema.
Veja a matéria abaixo e assine o nosso canal para ficar informado!

A matéria é um tanto tendenciosa (como toda matéria produzida por esse tipo de programa) mas mostra uma realidade que é de fato conhecida por quem acompanha o avanço do green rush. Enquanto o THC não é legalizado a palavra cannabis ou maconha continuará sendo estigmatizada, portanto quem está nesse mercado acaba criando outros produtos com outras substâncias para ganhar mercado, mesmo que sem a substância.

Categorias
Cinema e Televisão

Apresentadora da Globo responde a críticas após uma foto em plantação de maconha

Rio – Cris Dias, apresentadora do “Esporte Espetacular”, rebateu as críticas que recebeu por postar uma foto em que aparece em meio a uma plantação de maconha na Jamaica. Ela chegou a deletar a imagem, mas voltou a postá-la e falou sobre a polêmica. 

“Vocês julgam e condenam as pessoas dessa forma sempre? Fui atacada a ponto de ter que deletar a foto, tamanha a quantidade de ofensas que recebi. E pelo que mesmo? Por ter ido numa plantação? Plantação essa que, se bem utilizada, vira roupa, remédio e uma série de outros produtos. Procurem saber”, disse. 

Cris disse que gosta de viajar e conhecer novas culturas. “Quem corrompe a natureza é o ser humano. O preconceito e a ignorância está na mente de vocês. E triste mesmo é ser assim. A foto até desbotou”, escreveu a apresentadora, que postou a imagem em preto e branco.

View this post on Instagram

Visitei uma plantação de cannabis na Jamaica sim, onde a erva é usada para fins religiosos. Qual o problema? Gosto de viajar e conhecer os lugares e a cultura deles (nesse dia estava na região onde o rei do reggae, Robert Nesta Marley, nasceu, inclusive. Ele, que sempre falou de amor e paz em suas músicas). Vocês julgam e condenam as pessoas dessa forma sempre? Fui atacada a ponto de ter que deletar a foto, tamanha a quantidade de ofensas que recebi. E pelo que mesmo? Por ter ido numa plantação? Plantação essa que, se bem utilizada, vira roupa, remédio e uma série de outros produtos. Procurem saber. Quem corrompe a natureza é o ser humano. O preconceito e a ignorância estão na mente de vocês. E triste mesmo é ser assim. A foto até desbotou… #ficaadica ouçam mais Bob Marley, prestem atenção nas letras. Talvez vocês consigam ter o alcance do que estou falando. Feliz 2019! 🇯🇲

A post shared by Cris Dias (@crisdiass) on

A nova postagem dividiu os seguidores, já que saíram em defesa da jornalista enquanto outros a criticaram. “Péssimo exemplo para uma figura pública, e pior, ligada ao esporte”, falou um internauta. “Vergonhoso. Vc sabe quantas pessoas perderam suas vidas para o consumo e tráfico de drogas? Ridícula a sua publicação” , disse outro. “Bando de sem ter o que fazer, vindo comentar e ofender por causa da foto”, falou outro seguidor. “A ignorância ainda matará a humanidade”, afirmou mais um.

A jornalista Cris Dias embarcou para a Jamaica com Caio Paduan.  Ela mostrou momentos da viagem para seus seguidores no Instagram — um dos pontos turísticos que a apresentadora visitou foi a casa do cantor Bob Marley. Mas ela não imaginava tamanha repercussão.

Categorias
Notícias sobre maconha

Vídeo alternativo da campanha da Globo viraliza na internet: Maconha é AGRO, Maconha é Pop…

A Globo tem a campanha “Agro: a indústria da riqueza do Brasil”, cujo o objetivo é tentar modernizar a opinião que se tem sobre o agronegócio no país. Eis que o site site BHAZ, de Belo Horizonte, decidiu fazer uma versão alternativa da campanha, com os argumentos a favor da legalização da maconha.

Assine nosso youtube e assista primeiro

Na pontinha, os argumentos;

  • Maconha é medicinal
  • Maconha da fome pra quem tem dificuldade pra comer
  • Maconha mata menos que o álcool
  • Maconha é consumida em todo o mundo
  • Maconha mata menos que remédios controlados
  • Maconha é natural
  • Maconha é sagrada em alguns lugares
  • Maconha tem efeitos medicinais
  • Maconha dá sono pra quem tem insônia

Sugestão da Dra. Eliane Nunes , mande a sua também! Nos comentários, no inbox ou por email!

Categorias
Cinema e Televisão Legislativo

GloboNews mostra a venda da maconha no Uruguai e entrevista advogado para entender como está a legalização no Brasil

Na tarde de ontem fomos pegos de surpresa! O grupo Globo, dessa vez através do seu canal GloboNews enfatizou como anda a regulamentação da maconha no Uruguai, mostraram parte do processo de compra e venda de maconha no Uruguai, a matéria no canal privado deixou de ser tão rasa quando chamou, na tela do estúdio, o advogado Emílio Figueredo, conhecido consultor jurídico da Marcha da Maconha e da Rede Jurídica pela Reforma da Política de Drogas que comentou como anda a possível legalização da maconha no Brasil e o que estão fazendo para “acelerar” esse processo.

A REFORMA defende cultivadores e usuários que são presos injustamente pelo sistema falho de segurança pública e de saúde do nosso país.

Assine o SmokeBud no Youtube e veja primeiro! TMJ!

Categorias
Economia Mundo Canábico

Jornal da Globo: Primeiro dia de venda legal de maconha no Uruguai acabou com o estoque

Apenas compradores cadastrados podem adquirir o produto em quatro farmácias credenciadas. Filas foram formadas logo pela manhã e estoque se esgotou em poucas horas em algumas lojas. Usuários cadastrados para comprar maconha para uso recreativo esgotaram os estoques das quatro farmácias de Montevidéu registradas no Instituto de Regulamento e Controle de Cannabis do Uruguai (Ircca) nesta quarta-feira (19), o primeiro dia de vendas da substância nesses estabelecimentos.

Assine o SmokeBud no Youtube e veja primeiro!

As quatro farmácias da capital uruguaia confirmaram à Agência Efe que venderam toda a maconha que tinham hoje. Em algumas delas, o produto acabou apenas algumas horas depois das lojas serem abertas.
As farmácias amanheceram com longas filas formadas por pessoas que queriam comprar as duas variedades que o governo do Uruguai colocou no mercado, chamadas de Alfa I e Beta I.

Compradores cadastrados fazem fila para comprar maconha legal em farmácia de Montevidéu, no Uruguai, no primeiro dia de vendas, na quarta (19) (Foto: AP Photo/Matilde Campodonico)
Ainda que os dois tipos tenham algumas diferenças de composição, a porcentagem de psicoatividade de ambos é de 2%. As embalagens, de cinco gramas de cannabis cada, incluem uma série de recomendações e indicações para os usuários.

A aquisição através de farmácias é uma das três formas para comprar maconha previstas na lei aprovada em dezembro de 2013 no Uruguai, ainda no governo do ex-presidente José Mujica. Os uruguaios também podem cultivar a planta ou comprá-la em clubes de cultivo.
Fontes de uma das farmácias não souberam informar à Efe quando os estoques de maconha serão repostos.

Categorias
Cinema e Televisão Notícias sobre maconha

Em vídeo: Jornal Hoje mostra farmácias no Uruguai vendendo maconha para uso recreativo

O IRCCA contabiliza, desde que se iniciou o processo de inscrição em 2 de maio, cerca de 4.700 pessoas registradas para comprar maconha. A população do Uruguai é de 3,4 milhões de habitantes. O Jornal Hoje mostrou em vídeo, assista abaixo.

Quem assina nosso canal no youtube vê primeiro! Assine!

A venda acontece em 11 departamentos, porém mais de meio milhão de pessoas moram nos oito departamentos em que, em principio, não tem um ponto que possa vender maconha, segundo o jornal “El País”.

Segundo Juan Arizaga, presidente da Associação de Farmácias do Interior AFI), que reúne os estabelecimentos fora da capital, declarou ao G1 que somente 16 farmácias estão vendendo cannabis no Uruguai, 12 na capital e 4 no interior.

Os farmacêuticos estão céticos em relação à rentabilidade do negócio. Cada farmácia pode obter até dois quilos de maconha ao mês, sem importar qual das variantes disponíveis.

“Outro problema são os investimentos em segurança que as farmácias tiveram que fazer, como botão anti-pânico e vidros a prova de balas, para evitar assaltos e roubos da cannabis. Tudo muito caro”, declarou Arizaga.

O consumidor precisa ter um cadastro, que é sigiloso. Assim, sem a necessidade de se identificar ou de apresentar documentos, os consumidores terão acesso, por meio de sua impressão digital, a duas variedades de maconha que estarão disponíveis, chamadas de “Alfa 1” e “Beta 1”, segundo a Reuters.

Cada pessoa poderá comprar um máximo de 40 gramas por mês para consumo próprio.

Categorias
Cinema e Televisão Opinião

Maconha para uso medicinal chega com força ao Brasil; Veja como foi a matéria do Fantástico

Enquanto a indústria se preparar para lançar medicamento à base da erva, vai ver que tem gente investindo no plantio e na produção caseira na matéria do Fantástico dessa noite (30/04/2017). Já passou mas fizemos o upload para você ver o que passou, abaixo!

Para muitas famílias, é o único alívio para doenças graves. O remédio, a solução, nas folhas de uma planta: maconha. A maconha para uso medicinal chega com força ao Brasil. Enquanto a indústria se preparar para lançar o primeiro medicamento à base da erva, você vai ver que tem gente investindo no plantio e na produção caseira.


Aproveite e se inscreva nosso canal no youtube!

Na pontinha… atualizado
Foi bom para ver com a família, mas sabia que a matéria ia concluir no “que a indústria farmacêutica irá ajudar” e como sempre “demonizar o efeito recreativo da planta” como já fizeram em outras ocasiões 😉 No entanto ficamos contentes com o fato de mostrar que tem mães plantando e mostrando que sim, é possível não comprar e plantar e também que há brasileiros peitando o preconceito para levar a maconha para ONGS, como a ABRACE. Mas há ainda muito a ser feito e tiro no pé como aquela tentativa da pesquisadora de relacionar a maconha e a cocaína que não tem sentido e só fez ela mesma passar vergonha.

No Brasil também já é possível encontrar ONGs, Associações e Médicos que já receitaram maconha em um aplicativo bem interessante, o BudMaps.

Conta aí:

[poll id=”48″]

Categorias
Cinema e Televisão Direito e Política Mundo Canábico Notícias sobre maconha

Jornal da Globo: Eleitores dos EUA vão ter que decidir sobre a venda de maconha

A Globo é uma caixinha de surpresa, de um lado um editorial e seus atores falam bem sobre a maconha e do outro lado falam mal, pra gerar aquele medo do novo, clássico. É o caso da matéria que foi ao ar nessa noite que fala sobre o plebiscito que os estados unidos irá fazer muito em breve. Na matéria eles mostram dados relevantes, citando fontes e os pontos como a dependência é fruto da Globo Folha, ninguém sabe de onde vem.

Separamos alguns dos pontos relevantes pra você saber.

  • A venda por lá começou a dois anos e Colorado foi o primeiro estado a legalizar/regulamentar.
  • Nunca os americanos foram tão favoráveis à legalização da maconha para uso recreativo e medicinal. Pesquisa do Gallup, divulgada pelo “Washington Post”, revela que 60% da população adulta acha que o consumo deve ser descriminalizado, o maior nível de apoio em quase meio século de pesquisas.
  • Em 2015, a Maconha foi a industria que mais cresceu no colorado, mais que o petróleo e o gás e rendeu mais de 2 bilhões de dólares pra economia do estado.
  • Lá você pode comprar até 28g ou até 100ml de compostos que contém THC.
  • Caiu em 46% o número de pessoas presas por fumar um
  • Quer saber mais?
    https://www.portaldacannabis.com/veja-apuracao-do-plebiscito-nos-eua-que-pode-ajudar-descriminalizar-maconha/

    Participe e responda

    [poll id=”34″]

    Categorias
    Especiais Notícias sobre maconha

    Fantástico: Policia Militar de SP afirma já matou muita gente “fumando maconha na esquina”

    No último domingo (23) o Fantástico divulgou uma matéria exclusiva que mostra policiais praticando todo tipo de crime, ou seja, ao invés de cumprir a lei eles faziam extorsões, crimes, violência gratuita com usuários de drogas, ameaças e ainda permitiam que bandidos ficassem livre, em troca de propina.

    Na matéria abaixo, você vê que os policiais envolvidos ainda faziam venda de drogas e protegiam parte do tráfico. Infelizmente isso é fruto da falta de entendimento e cobrança da sociedade por um treinamento continuo e sobretudo, denunciar os excessos.

    Há mais de 1000 registros de desvios de conduta só com a policia de São Paulo, abaixo você vê que isso é bem normal. Ao contrário do que afirmam os reaças na internet.

    Categorias
    Cinema e Televisão Curiosidades Notícias sobre maconha Opinião

    Em entrevista, Betty Faria conta que fumou muita maconha e nunca esqueceu o roteiro

    Em entrevista no Programa com Bial, que foi ao no último domingo (16/10) a renomada atriz falou das incoerências em relação à drogas legalizadas e proibidas, e ainda das suas experiências e seu posicionamento em relação as drogas.

    Quem faria?

    Quer saber mais sobre as freiras que ela comentou?
    https://www.portaldacannabis.com/irmas-valley-freiras-que-defendem-maconha/