Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

A polícia militar de Bataguassu, a 335 quilômetros de Campo Grande (MS), colocou a fantasia de ‘bobo-da-corte’ e prendeu um grupo de 11 foliões por usarem uma camiseta com a temática da erva enquadrando-os no crime de apologia.

“Defender a descriminalização de certas condutas previstas em lei como crime, não é fazer apologia de fato criminoso ou de autor de crime. Igualmente, não configura o crime, deste art. 287, a conduta daquele que usa camiseta com a estampa da folha da maconha, por ser inócua a caracterizar o crime e por estar abrangida na garantia constitucional da liberdade de manifestação do pensamento”, disse Celso de Mello.

A Polícia Militar de Bataguassu/MS prendeu um grupo de foliões por apologia ao crime na segunda noite de carnaval em Bataguassu/MS.

De acordo com o PerfilNews, o grupo que era composto por cerca de 20 foliões trajava uma camiseta com o desenho/caricatura de um homem, sendo que os cabelos desse desenho era representado por folhas da planta que dá origem a droga conhecida como maconha. Onze (11) foram detidos, entre eles dois menores, e responderam pelo crime de apologia ao crime, os demais fugiram em meio à grande multidão de foliões.

Para finalizar não custa lembrar o que disse, o Ministro do Supremo Federal, Celso de Mello durante o julgamento da ADPF 187 em junho de 2011 deixando bem claro que o uso de camisas com a folha de maconha não pode ser criminalizado.

Seu polícia com tanta coisa mais importante para policiar, os senhores se dão o trabalho de prenderem 11 foliões por causa de uma estampa, que até o Ministro Celso de Mello já considerou que não é crime o seu uso. Fizeram papel de bobo!

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Escreva seu comentário

pessoas


Curte nossa nova página no Facebook

DESCONSTRUA

Please enter your comment!
Please enter your name here