Elke Maravilha foi a convidada desta terça-feira (8) no programa “Agora É Tarde”, da Band, onde falou para o apresentador Danilo Gentili que já usou “todas as drogas”.

“Eu usei maconha, mas ela me faz dormir, é relaxante”, disse a atriz e jurada nascida na Rússia e que se naturalizou brasileira. “Eu usei todas as drogas, usei crack três vezes. O poder é a pior droga que existe”, complementou sobre a cocaína. “Na minha geração as pessoas usavam droga como autoconhecimento, hoje é usado como fuga”, afirmou.

Elke Maravilha é a convidada de Danilo Gentili

No elenco de “No Mato Sem Cachorro”, Elke disse que não assistiu ao longa e que não sabia que Danilo Gentili estava no filme. “Ainda não morri, estou com 68”, brincou. “Cheia de remédio, claro, mas sou uma pessoa feliz. Acham que eu sou maluca, que eu sou careta, que eu sou travesti. Deixa acharem”.

Elke também criticou a ideia de uma cura à homossexualidade. “A mãe natureza deu aos gays a possibilidade de sair disso eles vão cometer o mesmo erro que os héteros”, disse sobre o casamento gay, criticando o deputado Marcos Feliciano em seguida. “Gay é a cura”.

Assista a íntegra do Programa do dia 08/10 do Agora é Tarde

Via, Uol