Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Unifesp cria o Maconhabras, grupo de estudos sobre a maconha. As informações são do Almanaque das Drogas.

A Universidade Federal de São Paulo criou um grupo de estudo multidisciplinar para analisar e discutir novidades sobre a maconha, liderado pelo pesquisador Elisaldo Carlini, pioneiro em pesquisas sobre Cannabis sativa no Brasil.

O grupo vai publicar regularmente boletins. O de estreia traz textos sobre os riscos da droga para a função pulmonar, sobre a regulamentação do comércio no Uruguai e sobre a história do proibicionismo na medicina.

O comunicado sobre o lançamento do grupo frisa que a escolha do nome Maconhabras não é um deboche ou ironia às deselegantes atitudes que procuram desmerecer os estudiosos sobre a maconha.

O termo foi usado pejorativamente pelo psiquiatra Ronaldo Laranjeira, em um artigo de 2010, para dizer que a Secretaria Nacional de Drogas não deveria criar uma agência de pesquisas sobre maconha medicinal.

Faça o download da primeira edição do Boletim Maconhabras: Maconhabras_Boletim#1.

Leia abaixo a íntegra do comunicado.

CEBRID cria grupo de estudos sobre Cannabis sativa L. (maconha)

O CEBRID tem notado que o número de trabalhos científicos/artigos sobre maconha tem aumentado de maneira acentuada nos últimos tempos. E é sempre a mesma coisa: artigos a favor; artigos contra; não importando o tópico com o qual a planta é encarada. Acima de tudo, percebe-se um viés ideológico que obscurece a realidade sobre a maconha.

Assim, criamos um grupo multidisciplinar formado por pesquisadores do CEBRID e de outras instituições, visando analisar e discutir diferentes aspectos sobre esta temática. Ficou então constituído um grupo de estudos denominado“Maconhabras”.

Este nome veio da lembrança de importantes instituições brasileiras que honram o país, como: Petrobras, Eletrobras, Biobras, Radiobras, entre outras. Não se trata, portanto, de deboche ou ironia às deselegantes atitudes que procuram desmerecer os estudiosos sobre a maconha, em número cada vez maior no Brasil.

Como parte de suas atividades, o grupo publicará boletins sobre diferentes assuntos envolvendo as discussões sobre a maconha, especialmente a respeito de suas propriedades medicinais.

Desfrute da primeira edição do nosso boletim!

Grupo Maconhabras
E. A. Carlini, Lucas Maia, Paulo Mattos, Rafael Zanatto e Renato Filev.

1454706_634411859943943_1810923112_n

Via Almanaque das Drogas

Acesse a FanPage Maconhabras

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Escreva seu comentário

pessoas


Curte nossa nova página no Facebook

DESCONSTRUA

Please enter your comment!
Please enter your name here