Você está lendo

Mais um passo, Anvisa autoriza medicamento à base de maconha para Alzheimer

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) autorizou a prescrição de óleo de maconha para o tratamento de um paciente que sofre da doença de Alzheimer. Isso permitirá de forma inédita que portador da doença faça uso de óleo da cannábis.

Segundo dados do relatório World Alzheimer 2016 da Alzheimer’s Disease World, há cerca de 46,8 milhões de pessoas em todo o mundo vivendo com doença, e a expectativa é que este número aumente para 131,5 milhões até 2050.

De acordo com o relatório World Alzheimer 2016 da Alzheimer’s Disease World, há cerca de 46,8 milhões de pessoas em todo o mundo vivendo com doença, e a expectativa é que este número aumente para 131,5 milhões até 2050

E as pesquisas condizidas pelo Salk Institute (San Diego, EUA) – instituição de pesquisa biológicas nas áreas de biologia molecular, genética, neurociência e biologia de plantas – os canabinoides reduzem a inflamação do cérebro, bem como o acúmulo de beta-amiloide, uma característica da doença de Alzheimer. Por isso, acredita-se que a medicação seja o primeiro composto não-tóxico externo a mostrar potencial para o eventual tratamento da doença.

Vale lembrar que a ANVISA já permite a importação de suplementos à feitos da cannabis para o tratamento de inúmeras doenças como epilepsia refratária (uma desordem cerebral que gera convulsões repetidas), mal de Parkinson, dor crônica (como enxaqueca), Transtorno de Estresse Pós-Traumático, Déficit de Atenção e Hiperatividade, autismo, esclerose múltipla e dores provenientes do câncer. No exterior, o canabidiol já é utilizado para o tratamento de doenças em mais de 40 países, entre eles Estados Unidos, Reino Unido, Israel e México, mas o que as famílias querem mesmo é cultivar em suas casas – sem depender da indústria farmacêutica.

Se você tem um familiar ou conhece alguém que precisa da cannabis medicinal. Encontre médicos que já receitam ela, no BudMaps.

medico maconha

Comente

Escreva seu comentário