Em entrevista à revista ‘Rolling Stone‘, a cantora de 20 anos, que curte uma polêmica falou abertamente sobre o assunto.

Para Miley Cyrus, a época é mesmo de muita polêmica. Capa da edição de outubro da revista ”Rolling Stone”, a cantora falou à magazine sobre sua relação com às drogas de forma tranquila e aberta. Miley ainda definiu o uso de cocaína como “nojento”. “Eu realmente não gosto de cocaína. É tão nojento e escuro. De quando você é, dos anos 1990? Ew”. Em 2010, ela foi flagrada em vídeo fumando sálvia, uma substância alucinógena.

Capa da edição de Outubro da Revista Rolling Stone
Capa da edição de Outubro da Revista Rolling Stone

”Uma vez eu fumei um baseado junto com peyote, e vi um lobo uivando para a lua”, contou. “Hollywood é a cidade da cocaína, mas maconha é muito melhor. Molly – MDMA, conhecida por causar euforia – também. Essas são drogas da felicidade, drogas sociais, que fazem você querer estar com seus amigos ao ar livre e não trancado em banheiros”.

Para completar a lista de recentes polêmicas envolvendo o nome de Miley: depois da performance ”exagerada” no VMA deste ano e do clipe de “Wrecking Ball”, em que aparece nua, a cantora, que começou sua carreira ainda criança, aparece fumando e dançando cheia de sensualidade em um novo clipe. Intitulado “23”, a música é uma parceria de Miley com o rapper Mike Will.

“Ok, Ok! Eu aperto, mas não invento!” ~ Vai vendo que com tanta notícia neste tema, envolvendo celebridades, que logo Nelson Rubens adaptará o seu jargão.

Aperte o play e confira