Se liguem na história do mergulhador Mário Mukeka, que ganhou o apelido ao preparar e comer uma Moqueca de maconha. A brisa é garantida, vale a pena dar uma conferida.

Vocês podem ver a entrevista completa aqui.

O apresentador Jô Soares entrevistou Mário Mukeka, que é mergulhador e começou o bate-papo explicando a origem de seu apelido. “A história é complexa. Eu era um garoto normal até os 18 anos”

Mário é mergulhador e procura relíquias de navios naufragados na costa baiana. Ele explicou que ali é uma região onde muitas embarcações naufragavam e explicou que os artefatos encontrados não podem ser levados por causa da legislação brasileira. Assim, muitos tesouros e artefatos históricos acabam sendo pilhados.

 

Também achamos um pedaço do Filme do Mário Mukeka:

O irrecuperável – A história da moqueca de maconha

Trecho do filme “O Irrecuperável” com a narrativa resumida de Mário Cortizo Andion sobre a famosa moqueca de maconha, que lhe rendeu o apelido de Mário Mukeka. Em setembro de 2012 essa história fantástica completou 40 anos.

 

  • luiz antonio

    Mukeka não contou a melhor estória dela sobre o jumento que ele colocou na garagem do apartamento onde morava,esta estória sim é engraçadíssima.