A luta pela legalização do uso medicinal da maconha, não começou este ano e tão pouco se restringe apenas ao uso infantil. Adultos como Gilberto, são a grande maioria dos que necessitam da erva, para auxiliar o tratamento de diversas condições médicas, indo do câncer a esclerose. Mas o alto custo pode inviabilizar qualquer alívio.
ENo Papel, Maconha - por que no vaso não?nxergando essa realidade o Coletivo Prensa 420 produziu um documentário sobre o uso medicinal da maconha, além de explanar a necessidade do cultivo caseiro.

Gilberto Castro tem 41 anos. Usa maconha para aliviar os sintomas da esclerose múltipla. Com a receita médica, ele tem o direito para importar o remédio Sativex, distribuído pela Bayer, ilegal no Brasil e liberado só em 11 países. Mas o remédio é caro (custa entre U$$ 600 cada, sendo que ele necessita de três ao mês) e ele quer mais. E por que não cultivar sua própria erva? É essa a questão que você confere no documentário abaixo: