O ciclo de vida da maconha

Fala growers!! Cultiva Growshop na área pra mais um conteúdo exclusivo pro pessoal do Smoke Bud, apertem os cintos e os baseados que vêm muito conhecimento pela frente!

A Cannabis é uma planta anual, as sementes plantadas na primavera irão crescer durante o verão onde os dias são mais longos e ao final do verão e início do outono onde os dias vão ficando mais curtos ela dará início ao processo de floração. A cannabis é uma espécie chamada de dioica, isto quer dizer que possui uma planta macho e uma fêmea.

As flores da cannabis macho irão produzir sacos de pólen que serão dispersados pelo vento, e a flor de cannabis fêmea irá produzir sementes quando for fecundada.Na natureza a cannabis possui quatro estágios distintos, são eles: germinação, estado vegetativo, pré floração e floração.

GERMINAÇÃO

Durante a germinação a umidade, calor e o oxigênio ativam hormônios que despertam o embrião. O embrião se expande nutrido pela sua reserva de alimento contida dentro da semente.

Em pouco tempo a casca da semente se racha e uma pequena raiz branca cresce, está será a raiz principal da planta. Após este momento a casca se rompe completamente aparecendo duas pequenas folhas chamadas cotilédones, que irão crescer em busca de luz.

Crescimento da semente

A raiz principal irá crescer para baixo movida pela gravidade e irá surgir mais um par de ramificações na mesma, essas primeiras ramificações são chamadas de raízes laterais. Estas raízes irão produzir pequenas estruturas parecendo pelos, que são especializados em absorver água e sais inorgânicos, nutrientes químicos indispensáveis para sustentar a vida da planta.

As raízes também servem como sustentação, o seu desenvolvimento no meio de cultivo fornece uma ancoragem e suporte para seu futuro crescimento.

ciclo de vida da cannabis

A fase de crescimento da semente dura em média de 4 a 6 semanas, e nesta fase deve ser fornecida de 16h à 24h de luz. E a maioria das espécies irá continuar em seu estado vegetativo de crescimento enquanto for fornecida mais de 16h de luz durante as 24h do dia.

ESTADO VEGETATIVO

A Cannabis irá  se manter no estágio de crescimento vegetativo enquanto for fornecido no mínimo 16h de luz durante um período de 24h. Enquanto a planta cresce acima do solo as células das raízes continuam a se dividir e a mesma ramifica e desenvolve abaixo do solo em busca de uma maior oferta de água e nutrientes. Se o solo se secar completamente as raízes irão desidratar e morrer.

Estas raízes são muito delicadas e facilmente podem se lesionar com movimentos muito bruscos, muito cuidado na hora do transplante, um sistema radicular forte e saudável é essencial para um crescimento ótimo.

plantas de maconha outdoor

Na parte superior da planta existem células que também se dividem e multiplicam produzindo novas células necessárias ao crescimento da planta, isto de chama meristema. Estas células também darão origem as folhas e brotos laterais.

O sistema vascular da planta localizado na haste principal transmite água e nutrientes do sistema radicular para as folhas e flores onde são produzidos via fotossíntese os açúcares, que depois são distribuídos para outras partes da planta.

Este fluido é transportado pela planta em tecidos especializados chamados de floema e xilema. O xilema transporta água e nutrientes das raízes para as folhas e o floema distribui o resultado da fotossíntese para as partes que não a realizam.

As hastes suportam o peso da planta com depósitos de celulose e lignina, localizadas nas paredes celulares e estruturas entorno das hastes. Ao ar livre a chuva e o vento causam micro lesões nestas estruturas, que são reparadas pela deposição de celulose e lignina. Este processo faz com que as hastes fiquem mais duras e fortes.

No cultivo indoor, sem presença de vento ou chuva natural a produção de celulose e lignina é menor, então geralmente produzem hastes menos grossas e fortes, isso faz com que a planta possa precisar de uma estaca durante a floração para que suporte o peso das flores.

Após o início da fase vegetativa a planta inicia o processo de produção de carboidratos e produz energia vinda da iluminação e dos nutrientes provenientes do solo. Este processo é conhecido como fotossíntese. Clorofila é a substância que dá a planta a sua aparência verde, ela é encontrada dentro de estruturas celulares chamadas cloroplastos. Dentro dos cloroplastos é onde a energia vinda da iluminação, o CO2 retirado do ar, e a água e nutrientes vindas do solo são convertidos em carboidratos e oxigênio.

Pequenos poros chamados de estômatos estão localizados na superfície das folhas. É pelos estômatos que a planta absorve o CO2 do ar que posteriormente será utilizado na fotossíntese. Também são responsáveis pela regulação e dispersão da umidade e oxigênio que sobram da fotossíntese, processo este indispensável para a saúde da planta.

PRÉ FLORAÇÃO

A cannabis desenvolvida a partir da semente geralmente começa a apresentar um pequeno desenvolvimento de uma estrutura floral, este tipo de estrutura é conhecido como pré-flor. A grande maioria das variedades de cannabis começam a apresentar estas estruturas entre a 14ª e 15ª semana de crescimento vegetativo.

Em algumas variedades as pré-flores começam a aparece abaixo do 4º nó, entretanto na maioria dos casos elas aparecem entre o 4º e o 6º nó desde a base da planta. Use as pré-flores para identificar o gênero da planta e separar as plantas fêmeas para a produção de flores.

como identificar o sexo da maconha

As plantas fêmeas são cultivadas pela alta concentração de canabinóides presente em suas flores, já as plantas macho possuem um nível de concentração de canabinóides muito baixo e geralmente são destruídas pelos growers, porém podem ser mantidas e seu pólen pode ser estocado para utilização em potenciais cruzas e produção de sementes.

Leia também:  Comércio de Cannabis Legal recebe apoio na Holanda

Plantas cultivadas indoor desde a semente são frequentemente deixadas no estágio vegetativo de crescimento de 4 a 6 semanas, ou até que tenham no mínimo 30 à 40cm de altura, antes de ser induzida a floração.Você pode induzir a floração com plantas menores, porém essa prática não é recomendada para plantas que se desenvolveram desde a semente, isso é mais praticado por growers que cultivam clones retirados de outra planta. Uma floração prematura pode causar estresse e hermafroditismo em algumas das variedades de cannabis.

FLORAÇÃO

A cannabis cultivada ao ar livre entra em floração ao final do verão e início do outono. As noites começam a ficar mais longas e os dias mais curtos, as plantas percebem que seu ciclo anual está acabando e o estágio de floração se inicia. C. sativa e C. indica são plantas que precisam da regulação do fotoperíodo para entraram em floração. C. ruderalis não inicia a floração pela mudança do fotoperíodo, ela irá florir automaticamente após 3 ou 4 semanas do seu ciclo de vida, ou seja, em qualquer época do ano ela irá florir quando estiver matura.

floração da cannabis

Se a planta de cannabis fêmea não foi polinizada pelo macho ela é chamada de “sinsemilla” ou em português “sem semente”. As fêmeas não fecundadas continuam a produzir flores e começam a se cobrir de resina, tricomas e óleos essenciais que dão a ela seu aroma (terpenos) característico, também são produzidos os compostos medicinais conhecidos por canabinóides.

Após semanas de desenvolvimento de flores sem semente o conteúdo de canabinóides chega no seu pico máximo. Este é o momento ideal para a colheita, as flores de cannabis já estão cobertas de tricomas ricos em canabinóides e óleos essenciais e seu desenvolvimento para.

A planta macho produz pólen que é dispersado pelo vento na chance de encontrar uma flor não polinizada. A flor fertilizada pelo macho começa a produzir sementes, estas sementes levam de 3 a 6 semanas para maturar e estarem prontas para um novo ciclo.

Planta de cannabis macho e fêmea

Após a maturação completa as sementes irão atravessar a capa protetora e cair no chão. A planta macho após dispersar seu pólen geralmente envelhece e morre, a fêmea após a produção da semente vai lentamente envelhecendo e morre. As sementes caídas no chão são germinadas naturalmente ou coletadas para serem plantadas na próxima primavera.

Escreva seu comentário

DESCONSTRUA

Please enter your comment!
Please enter your name here