Os presidentes do Uruguai, José Mujica; da Colômbia, Juan Manuel Santos, e da Guatemala, Otto Pérez Molina, vão se reunir na próxima semana, durante a 68ª Assembleia Geral das Nações Unidas em Nova York, para discutir sobre a proposta de despenalizar a produção, distribuição e a venda de maconha. Segundo o segundo secretário da Presidência do Uruguai, Diego Cánepa, Molina disse que ao descriminalizar algumas drogas, poderia livrar os países centro-americanos da violência gerada pela presença de narcotraficantes na região.

Mujica é favorável à descriminalização da maconha. Em agosto a Câmara dos Deputados do Uruguai aprovou um projeto que legaliza a substância no país. Juan Manuel Santos já se pronunciou favoravelmente ao tema da descriminalização.

Cánepa também anunciou hoje (16) que se reunirá com Santos para tratar das negociações pelo fim do conflito colombiano entre o governo do país e as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc). Segundo Cánepa, Mujica mostrou interesse em ajudar a Colômbia no processo de paz, e no encontro com Santos, conhecerá detalhes do processo iniciado em novembro do ano passado.

* Com informações da TV Multiestatal Telesur.
Via Agência Brasil EBC