Legisladores estaduais da Flórida apresentaram na segunda-feira (10) projetos idênticos destinados a legalizar o uso médico da maconha no Estado, na expectativa de aprovar a medida antes que uma emenda constitucional sobre o assunto seja levada a votação popular, em novembro.

Os senadores estaduais Jeff Clemens e Joe Saunders, ambos democratas, reuniram numerosos pacientes e seus familiares para apresentar o projeto, que na prática regulamentaria por lei ordinária a emenda constitucional a ser submetida a referendo.

“Esta lei coloca os pacientes antes da política”, disse Cathy Jordan, presidente da Rede de Ação da Canabis na Flórida. Há 28 anos ela sofre da doença de Lou Gehrig, que a mantém numa cadeira de rodas e dificulta sua fala. Seu marido, Robert, leu sua declaração numa entrevista coletiva diante do Senado Estadual da Flórida.

A emenda e os projetos de lei estabelecem regras rigorosas para que os médicos receitem a maconha para o tratamento de doenças graves, como câncer, Aids, mal de Lou Gehrig e outras.

Via Reuters / Uol