Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Apesar de não querer o título de “Senador da Maconha”, Cristovam já tem o respeito de todos os maconheiros e antiproibicionistas por não arredar o pé. Além disso, após a segunda audiência, já descarta a possibilidade de arquivamento da proposta de Sug nº 8/2014, que visa a regulamentação da maconha no Brasil. As informações são da Agência Senado.

O senador Cristovam Buarque (PDT-DF) garantiu nesta segunda-feira (11) que não vai recomendar o arquivamento da sugestão popular de regulamentação do uso recreativo, medicinal e industrial da maconha (SUG 8/2014). A Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH) aguarda parecer de Cristovam, relator da matéria, para decidir se a sugestão se tornará um projeto de lei.

Leia também:  STJ decide que desacato a autoridade não é mais crime, pero no mucho...

Cristovam disse que ainda não sabe que tipo de conteúdo teria um eventual projeto de lei, mas foi categórico em afastar qualquer hipótese de paralisar a discussão. A apresentação do parecer deve ocorrer após a realização de mais audiências públicas.

– Há muitos caminhos. Tem o caminho, por exemplo, de deixar a decisão para um plebiscito. Espero ter uma proposta até o fim do ano. Pelo arquivamento não será – afirmou o senador, após presidir a segunda audiência sobre o tema.

A ideia de um projeto para regulamentar o uso recreativo, medicinal ou industrial da maconha foi apresentada pela sociedade por meio do Portal e-Cidadania. A proposta recebeu mais de 20 mil apoios e assim, segundo as normas do portal, foi enviada à CDH.

Leia também:  Morador do Paraná encontra maconha na frente de casa

Na audiência desta segunda, debatedores expuseram opiniões divergentes sobre o tema. Para Cristovam, o ponto alto foi o momento em que o coronel Jorge da Silva disse que é preciso decidir se queremos “afastar a droga dos jovens ou os jovens das drogas”.

– Afastar a droga dos jovens é criar uma barreira proibindo que a droga chegue a eles. Afastar os jovens da droga é educá-los tanto que eles não procurem a droga – refletiu Cristovam.

Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Escreva seu comentário

1 COMENTÁRIO ANONIMO

DESCONSTRUA

Please enter your comment!
Please enter your name here