Confira a nota na coluna, na versão impressa, do Ancelmo Gois no jornal O Globo e na versão digital por Jorge Antonio Barros sobre a proposta popular para regulamentação da maconha

1660776_739127576104976_1876622531_n
Fazendo a cabeça – Jornal O Globo versão impressa 06/02

A proposta popular de projeto de lei para descriminalizar a maconha já ultrapassou a marca de 11 mil assinaturas** no site do Senado federal. Como deu hoje (06/02) na coluna de Ancelmo Gois, se alcançar 20 mil “votos de apoio”, a proposta será apreciada pela Comissão de Direitos Humanos da casa. A proposta ficará aberta até 30 de maio deste ano.

A proposta quer regular os usos recreativo, medicinal e industrial da maconha. Ainda de acordo com a proposta popular, cuja autoria não é informada no site**, “a maconha deve ser regularizada como as bebidas alcoólicas e cigarros. A lei deve permitir o cultivo caseiro, o registro de clubes de auto cultivadores, licenciamento de estabelecimentos de cultivo e de venda de maconha no atacado e no varejo e,regularizar o uso medicinal.”

Leia também:  Ciência sem vergonha, desmistificando a Maconha

*Jorge Antonio Barros cobre criminalidade e segurança pública desde 1981. É editor-adjunto de Rio do GLOBO. Tem dois prêmios Esso e ganhou, em 2007, o Prêmio de Jornalismo do AfroReggae e a menção especial do Prêmio Tim Lopes de Jornalismo Investigativo. É integrante do Fórum Brasileiro de Segurança Pública

Via O Globo

** A ideia da proposta de regulamentação foi enviada por André Kiepper, Analista de Gestão em Saúde da Fundação Oswaldo Cruz. A proposta atualmente conta com mais de 15 mil apoiadores.

Leia Regulamentação da Maconha no Senado Federal. Precisamos do seu apoio!

Escreva seu comentário

DESCONSTRUA

Please enter your comment!
Please enter your name here