Confira a nota na coluna, na versão impressa, do Ancelmo Gois no jornal O Globo e na versão digital por Jorge Antonio Barros sobre a proposta popular para regulamentação da maconha

1660776_739127576104976_1876622531_n
Fazendo a cabeça – Jornal O Globo versão impressa 06/02

A proposta popular de projeto de lei para descriminalizar a maconha já ultrapassou a marca de 11 mil assinaturas** no site do Senado federal. Como deu hoje (06/02) na coluna de Ancelmo Gois, se alcançar 20 mil “votos de apoio”, a proposta será apreciada pela Comissão de Direitos Humanos da casa. A proposta ficará aberta até 30 de maio deste ano.

A proposta quer regular os usos recreativo, medicinal e industrial da maconha. Ainda de acordo com a proposta popular, cuja autoria não é informada no site**, “a maconha deve ser regularizada como as bebidas alcoólicas e cigarros. A lei deve permitir o cultivo caseiro, o registro de clubes de auto cultivadores, licenciamento de estabelecimentos de cultivo e de venda de maconha no atacado e no varejo e,regularizar o uso medicinal.”

*Jorge Antonio Barros cobre criminalidade e segurança pública desde 1981. É editor-adjunto de Rio do GLOBO. Tem dois prêmios Esso e ganhou, em 2007, o Prêmio de Jornalismo do AfroReggae e a menção especial do Prêmio Tim Lopes de Jornalismo Investigativo. É integrante do Fórum Brasileiro de Segurança Pública

Via O Globo

** A ideia da proposta de regulamentação foi enviada por André Kiepper, Analista de Gestão em Saúde da Fundação Oswaldo Cruz. A proposta atualmente conta com mais de 15 mil apoiadores.

Leia Regulamentação da Maconha no Senado Federal. Precisamos do seu apoio!