Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.
Empresa conquistou o direito em órgão que regula o mercado financeiro dos EUA e espera conquistar um aporte de US$ 6,8 milhões. As informações são da Revista Pequenas Empresas & Grandes Negócios.

A Terra Tech, com sede na Califórnia, Estados Unidos, conseguiu autorização da Securities and Exchange Commission (SEC), órgão que regula o mercado financeiro americano, para levantar US$ 6,8 milhões para construir e operar um negócio que terá como base a maconha.

Derek Peterson, CEO da Terra Tech, está apostando que o governo federal vai interromper sua oposição à maconha depois que os estados da Califórnia e de Nevada aprovarem, em 2016, medidas que vão liberar o uso recreativo da droga. Isso, junto com a liberação já conquistada no Colorado, Oregon, Washington e Alaska, pode forçar o governo a rever a proibição, na opinião do empreendedor.

“Eu realmente acredito que esse setor será regulamentado como o do álcool”, afirma Peterson. “Se tudo correr bem, estou otimista que o governo federal poderá acabar com a proibição em cinco ou dez anos.”

Peterson já tem em Oakland, na Califórnia, um laboratório de maconha para uso medicinal e um local onde atende cerca de 900 clientes por dia. Agora, com a aprovação da SEC, o negócio poderá ser incorporado à Terra Tech.

A venda legal de maconha nos Estados Unidos deve registrar US$ 2,3 bilhões em 2014, segundo o ArcView Group, uma empresa de capital de risco de São Francisco especializada no setor. Em 2018, essa cifra deve chegar a US$ 10 bilhões.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Escreva seu comentário

pessoas


Curte nossa nova página no Facebook

DESCONSTRUA

Please enter your comment!
Please enter your name here