Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Um dos pontos de debate gira em torno do uso terapêutico da Cannabis em crianças

Mykayla vive na cidade de Pendleton, em Oregon, e toma duas doses diárias enormes de THC concentrado, o equivalente a 9 gramas do tipo mais forte de maconha medicinal. Ela consome a substância oralmente, no formato de cápsulas.

“Faz eu me sentir com energia e feliz”, diz a garota. “Às vezes, eu deixo um pouco na minha boca, para sentir o sabor.” As informações são da Vice, que contou a história de Mykayla em um curto documentário disponível em inglês.

Segundo os pais da garota, o tratamento diminuiu radicalmente os efeitos colaterais da quimioterapia. “Assim que tomou a primeira dose, ela sentiu fome e sorriu. Tínhamos nossa bebê de volta”, diz Erin Purchase, mãe da garota.

Um dos principais pontos de desacordo nesse debate é sobre a dose limite nesses casos, além do controle sobre a produção da substância. No caso de Mykayla, o THC vem de uma fábrica caseira, instalada na garagem de um produtor local.

“Há muitas pessoas que acham que crianças não deveriam consumir Cannabis, incluindo o governo federal”, diz Mike Mullins, responsável pela produção. “Mas achamos que é mais importante salvar a vida de uma criança do que se preocupar com o fato de ela ter THC em seu corpo.”

Assista o documentário produzido pela Vice em inglês*

Via Exame Info

* Sabe traduzir e ou anexar legenda em vídeos? Entre em contato conosco, colabore!

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Escreva seu comentário

pessoas


Curte nossa nova página no Facebook

One comment